Pastoral

 

Bases bíblicas para o processo de revitalização da Igreja
PARTE 22

 

Em continuação à reflexão sobre o avivamento pessoal e a revitalização da igreja, devemos considerar:

3 - O Reconhecimento da nossa prioridade

Davi nos mostra, a partir do verso 13 do Salmo 51, e especialmente através dos versos 16 e 17, qual deve ser a nossa prioridade. A conclusão a que ele chegou é que, maquiar nossas mazelas com uma pretensa religiosidade, não funciona: “pois não te comprazes em sacrifícios... e não te agradas de holocaustos” (v.16).

Foi este o questionamento do povo, conforme Miqueias 6.6 e 7: “Com que me apresentarei ao Senhor?” A resposta de Deus, através do profeta, foi clara: “Ele te declarou, ó homem, o que é bom e que é o que o Senhor pede de ti: que pratiques a justiça, e ames a misericórdia, e andes humildemente com o teu Deus” (Mq 6.8).

Os sacrifícios não são suficientes; não podemos nos esconder atrás das cortinas do templo. Aliás, elas já foram rasgadas de alto a baixo; e quem não trilhar o vivo e novo caminho, aberto pelo sangue de Cristo Jesus, que nos purifica de todo pecado; quem não se dobrar e arrependido suplicar pelo perdão; quem não confessar seus pecados e deixá-los, não achará graça em tempo oportuno.

Esta deve ser a nossa prioridade: “coração compungindo e contrito” (v.17). Esses são os verdadeiros sacrifícios que agradam a Deus. Essa deve ser a atitude de quem deseja ter uma vida revitalizada diante do Senhor.

 
Rev. Gilson Almeida Jr.
 

------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------
Voltar

 
 
 
 
Primeira Igreja Presbiteriana de Governador Valadares - MG | Av. Brasil, 2.837 - Centro - Governador Valadares - MG | (33) 3271-6868 -